domingo, dezembro 04, 2016

Habilitar o SSH no Seagate Personal Cloud

  Em certo momento decidi que precisava melhorar o meu back-up e o armazenamento de dados do meu computador. Cheguei a cogitar instalar o FreeNas em um Raspberry Pi, mas em uma viagem aos EUA descobri o Seagate Personal Cloud. Numa promoção, ele sozinho com HD de 3 TB saia bem mais barato que eu comprar apenas 1 HD externo de mesma capacidade e eu ainda teria que comprar o Raspberry.
  O aparelho é de certa forma limitado em relação aos concorrentes, mas tem como vantagens ser bem mais barato, simples de utilizar, compatível com o OSX Time Machine, porta USB 3.0, ser um servidor Plex, e permitir a instalação de várias aplicações de maneira simples e rápida.
  Hoje então descobri uma forma de habilitar o acesso SSH, o que deverá me permitir a instalação de apps não padrão no dispositivo. 
  Para isto, vamos supor que o IP do seu Personal Cloud seja 192.168.1.100. Para ter acesso a tela de habilitação do SSH basta acessar no browser a seguinte url: http://192.168.25.100/?appdev=1. Vá até o menu "Serviços", desabilite o protocolo sftp e habilite o protocolo ssh.
  A senha de root é a mesma que você utiliza para administrar sua conta e foi escolhida quando você  fez o primeiro set-up do aparelho.
Link Direto:


Um outro link que pode ser interessante para os proprietários do Seagate Personal Cloud é o Guia de Desenvolvimento de Apps. Neste guia você aprende como criar apps para o produto e inclusive como disponibilizar estes apps para outros usuários.

sábado, dezembro 03, 2016

Automação Residencial


    Resolvi nos últimos dias verificar a viabilidade de um sistema de automação residencial em minha casa. Então vou postando aqui conforme isto for evoluindo e for descobrindo mais coisas.

    Primeiramente pensei em adquirir um sistema pronto, mas esbarrei no problema de que ou o preço é muito caro, ou quando é mais em conta temos problemas de conectividade.

     Posteriormente verifiquei que a utilização de um sistema combinado entre Open Source e produtos comerciais que utilizem protocolos abertos poderia ser uma melhor alternativa.

      Penso em colocar a central em um Raspberry Pi.

* Principais protocolos:
Wifi, ZigBee, Z-Wave, Bluetooth LE, Kidde, Clear Connect, Z-Wave, ZigBee, rf433, IR, livolo, rf315

* Sistemas de Automação Comerciais / HUBs

   1)  Samsung Smartthings
         - Protocolos ZigBee, Z-Wave
         - Site
         - Produtos

   2) Wink-Hub-1
         - Site
         - Protocolos: Kidde, Clear Connect, Z-Wave, ZigBee
         - Produto

   3) Wink-Hub-2
        - Site
        - Prototolos: Bluetooth LE, Kidde, Clear Connect, Z-Wave, ZigBee
        - Produto

   4) Xiaomi Mi Smart Home
        - Site
        - Protocolos: ZigBee proprietário.
        - Produtos

    5) Orvibo
        - Protocolos: rf433, IR
        - Produtos

     6) GeekLink Thinker
        - Site
        - Protocolos: livolo (rf433), rf315, IR
        - Produtos

     7) Livolo
        - Site
        - Protocolo: Livolo (rf433)
        - Produtos

     8) Broadlink RM Pro
        - Site
        - Protocolos: livolo (rf433), rf315, IR
        - Produtos

* Softwares
 1) OpenHAB
 2) Domoticz
 5) Calaos
 8) Home Genie



* Outros sites
 1) http://www.smarthomedb.com/ - Banco de dados com informações sobre diversos produtos de automação.
  2) http://www.instructables.com/id/Super-Simple-Raspberry-Pi-433MHz-Home-Automation/?ALLSTEPS - Tutorial para utilizar o protocolo rf433 no Raspberry Pi

Carteira Leupay - Teste Prático


  Pessoal, testei a minha carteira e cartão LeuPay na Espanha. E funcionou muito bem.
  Testei também o LeuPay Wallet, um app que você instala no seu celular e permite a realização de pagamentos via NFC. 
  Pelo que vocês podem ver, fiz o carregamento da minha conta LeuPay  usando o serviço Transferwise, que já falei neste post -  Transferwise - Pagando uma transferência em euros com boleto.  Mas você pode fazer o carregamento através de uma transferencia SEPA ou internacional pois sua conta tem IBAN.
   O legal na Espanha é que praticamente todos os locais aceitam o pagamento via NFC então é só encostar o celular e fazer o pagamento. Lembrando que o celular funciona como uma carteira separada, assim você pode escolher o saldo que irá manter na sua carteira e precisando mais basta transferir mais $ para ela.

Busca do Google

Custom Search